Categorias
2020 TOP de Finais de Ano

TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2020 [100-91]

E aí, meu povo, como estão? Prontos para um sábado super animado?

E aqui estamos para começar a falar do meu TOP 100 de 2020. Para quem acompanha a blogosfera, percebe que o meu vai do 100 ao 91, não até o 81. Isso porque eu não consigo, e nem posso, ficar muito na frente do computador por N problemas, como coluna e visão (Imaginem como foi meu EAD), então é evitar ao máximo ficar próximo da tela.

Por causa disso, as pautas serão menores. Além disso, mesmo com pautas normais, eu raramente passo de 10 vídeos, por esse motivo principalmente. Então vamos deixar de papo e começar essa pauta.

Ah, um lembrete. Essa tipo de postagem é sobre a minha opinião. Nada do que eu disser aqui tem o intuito de atacar ou prejudicar alguém, são apenas pautas opinativas com a minha opinião.

100: Taemin – Exclusive

Quem viu minha review dos álbuns do Taemin, percebeu que eu surtei com a perfeição desse álbum, mas era óbvio que algumas faixas chamariam mais atenção do que outras. Uma delas foi Exclusive, a faixa tem um quê de tom melódico, mas o refrão mais surtado é tudo de bom, não mantendo a linearidade, o que entrega de forma impecável essa track.

O vocal do Taemin sempre é um prazer de ouvir, ele tem um vocal angelical e isso passa bem para a faixa. Dentre várias que ele soltou esse ano, essa aqui conseguiu e cativar muito.

99: Taeyeon – Dear Me

E vamos falar do nosso cheiro de naftalina preferido lá do início do ano. Quando escutei Dear Me, sabia que a dona Taeyeon queria passar algo para os fãs, mas ao ver as letras, sabia que ela estava caminhando para ficar cada vez melhor. Para quem não, devido a todo hate que ela já sofreu, e ainda sofre, ela não é creditada nas faixas que compõe, isso quando ela compõe.

Então, uma faixa que descreve muito esse sentimento que ela quer passar aos fãs é muito bem vinda. E de tudo o que ela já passou na empresa, esse tipo de faixa mais calma, em que ela eleva o vocal aos poucos e tudo de bom. A faixa tem um crescimento maravilhoso, vai caminhando perfeitamente até chegar no refrão final que ela solta a voz com gosto. Não é a melhor dela do ano, até porque teve outras melhores, mas essa aqui mora comigo.

98: 3YE – On Air

Uma das primeiras b-sides do grupo, pois as meninas vinham numa sequência de singles, então eu esperava faixas mais diferentes do tryhard das titles. Com isso, recebi On Air, um tropical house gostoso, que mescla as um pouco de R&B, um pouco de reggaeton, entregando um ritmo sensual e que possibilita às meninas a darem uma mudada no visal, além de entregarem coreografias mais sensuais.

Elas aproveitaram a pandemia, e usaram dessa faixa como follow-up. Basicamente, elas deram um mini álbum visual, pois de 7 faixas, uma era remix, e 4 titles oficiais e uma com um performance vídeo, elas praticamente reinaram o final de 2019 e 2020.

97: HA:TFELT – Life Sucks

Acho que essa aqui pegará alguns de surpresa, pois eu nem comentei sobre o álbum e sobre o comeback da HA:TFELT esse ano, mas agradeço ao Dougie por ter panfletado um pouco os lançamentos dela, pois Life Sucks é tudo de bom. Não ficou muito na minhas playlists, mas sobreviveu ao ponto de morar aqui no meu TOP 100. Praticamente é a única do álbum que eu escuto.

Aqui ela conseguiu entregar muito do que a vida dela foi, com diversos problemas com a mídia, o pai preso em diversos escândalos, e tudo caindo em cima dela, então nada melhor que uma diss track para encerrar com tudo.

96: MAX feat. Chung Ha – Lie

Eu achei a faixa Chocolat boa, ainda mais o conceito de ser lançada na semana de páscoa. Porém, o vocal dele ficou tão forçado que a faixa morreu rápido comigo, mas ainda escuto as vezes (Para quem é da SM, falar de vocal estranho chega a ser bizarro). Então, fui dar aquela olhada nas b-sides. Metade amou essa aqui mais por causa da Chung Ha do que pelo MAX em si.

Lie não tem a proposta de reinventar nada, o instrumental caminha para um tropical house mais simbólico, algo teatral, que vem crescendo bem lentamente, mas estoura mesmo no refrão, que não chega a ser explosivo. É uma midtempo que transita entre as uptempo, e tem o único intuito de acalmar.

95: Baekhyun – Ghost

O nosso Justin Bieber coreano (Será que foi por isso que a Taeyeon namorou com ele?) lançou a sua Yummy, eu detestei, mas fui dar moral para o mini álbum. Ghost inventa alguma coisa? Não. Ela seria uma title comercial? Também não, mas ela faz o que o single oficial não fez, que foi cativar meus ouvidos genéricos.

A faixa é uma delicinha, ela segue aquilo que comentei da faixa do MAX, o instrumental vem para acalmar, aliviar depois de um dia de tensão.

94: Cosmic Girls – HOLA

Cosmic Girls fez apenas um comeback esse ano, até porque o grupo em si já é uma aglomeração, então os pós-IOI sofreram mais do que deveriam. Eu não fui lá muito fã de Butterfly, mas eu curto até hoje. As outras b-sides eu amei bastante, o pessoal foi mais para Pantomine, eu já gostei de Hola.

É uma faixa alegre, divertida, enérgica, que dá vontade de criar uma coreô exclusiva para ela, tanto que facilmente poderia pegar aquele MV de Brabuleta e colocar nessa faixa que combinaria super. O divertido da faixa é que poucas soltam o Hola corretamente, porque umas pares soltam o R no lugar do H e isso fica hilário.

93: TXT – Ghosting

Ghosting foi outra faixa do TXT que me cativou mais que a title. Blue Hour começou crescer comigo por esses tempos, e Lost in the Summer está caminhando para ser maior que essa. Mas como o tempo acabou, Ghosting ficou como uma das melhores b-sides do TXT de 2020, provavelmente a melhor.

A faixa é uma delícia, ela vai confortando num estilo mais retrô, que lembra muito Stranger Things e IT, mas naquelas cenas mais calmas, de paz, sem o demongorgon (É assim que escreve?) ou aquele palhaço doido correndo atrás. Pelo que deu para notar, Big Hit não está com vontade de dar um MV para essa aqui, então é esperar que tenha uma reciclagem em japonês.

92: Pentagon – Paradise

A melhor b-side do Pentagon desse ano foi um EDM para lá de genérico, mas é isso que meus ouvidos gostam de ganhar, algo digerível facilmente, mas que vai agradando com o tempo. Paradise tem um crescimento ótimo, a faixa faz efeito comigo hoje e, não sei vocês, mas para mim ela tem muito aquelas músicas trilha sonora de special clip em que colocam cenas de turnês, com backing stage e tudo mais.

Uma pena que a CUBE raramente trabalha follow-ups.

91: Paradise – FATE

Essa aqui vai chocar outros, pois quem imaginaria que uma das 100 faixas seria uma ópera? Fate foi um dos achados lá do início do ano, não esquecendo que janeiro de 2020 foi um marasmo eterno, e quem já acompanhou o blog, eu tinha que caçar pauta, tanto que rolou bastante review de álbuns anteriores, como The ReVe Festival do Red Velvet e Purpose da Taeyeon.

Essa faixa me agradou bastante, ainda mais pelo tom épico que eu estava com saudades em algumas faixas, isso quando tinha artistas que decidiam deslanxar com um single desse nipe. Por fim, a faixa cresce comigo até hoje, e está sempre comigo nas minhas playlists.

E aqui estamos com a primeira parte desse top 100, espero que gostem, deixarei aqui embaixo os links de pautas anteriores e da minha playlist das músicas de 2020, espero que gostem.

TOP 110: [110-101]; [100-91]; [90-81]; [80-71]; [70-61]; [60-51]; [50-41]; [40-31]; [30-21]; [20-11]; [10-01].

Kpop 2020 – Minha Playlist.

***

Oi, pessoal, como vocês estão? Então, vim aqui fazer uma promoção minha. Para quem não sabe, eu também sou escritor autônomo e independente, possuo algumas histórias publicadas no Wattpad e no Nyah! Fanfiction. Deixarei os links abaixo para quem quiser me seguir lá e me acompanhar, estarei fazendo postagens novas, além de revisões das histórias já lançadas.

Agradeço desde já, do fundo do meu coração, quem puder fazer isso.

Clique aqui para ir ao Nyah! Fanfiction!

Clique aqui para ir ao Wattpad!

15 respostas em “TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2020 [100-91]”

Primeira parte do ranking praticamente som bsides, eu não achei o album do taemin isso tudo não. Teiao tem me decepcionado, esperando uma why 2.0. De resto não ouvi nenhuma dessas nesse ano.

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s