Categorias
2020 TOP de Finais de Ano

TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2020 [60-51]

E aí, meu povo, como estão? Já ligaram nos postos de saúde e verificaram se as vacinas estão em dia?

Pauta enrolada, pois como a pergunta aí de cima comentou, fui tomar uma bela vacina hoje de manhã. E, não, não era a coronavac, só 2021 mesmo. Liberando para o povão, vou direto nela e seja o que deus quiser, pois se entrar um chip em minhas veias, que seja trazendo um código de barras falando que eu valho muito. De resto, é só fanfic de whatsapp (Tio Mark ficou com tanta inveja do Wattpad, que começou a soltar as fanfic no WahtsApp… Ô homem ridículo!).

Mas parando de enrolação, vamos comentar sobre as novas 10 faixas que vão entrar nesse mundo do meu TOP 100, completando a primeira metade desse cilco maravilhoso. Lembrando que essa lista é minha, única opinião aqui presente, e quem manda no blog sou eu e estou sem ideias de como desenhar a vocês não surtarem nos comentários (Mentira, surtem muito, quero engajamento!).

60: Rochet Punch – Bouncy

O cômico da faixa se chamar “Rebole” e entregar dias depois o nome de fandom Ketchy, sendo que no Brasil temos um termo para certo ano proibido a menores de 18 anos que se encerra com quete. Só por essa zoeira, Bouncy deveria ter vendido mais que qualquer álbum do BTS no país.

Mas falemos dessa faixa, que é uma perfeição enorme. Desde a construção, até o MV que segue a estética vermelha (EP chama Red Punch por um motivo). Rocket Punch tem tudo para ser um B-List do Kpop, não batendo de frente com Aespa ou Baby Monster, mas fazendo festa ali com o (G)I-dle e o Everglow. Socorro, a Woollim entregando uma dessa por ano eu ficarei extremamente feliz, fazendo meu bouncy enquanto… E vamos para a próxima faixa.

59: Cherry Bullet – Hands Up

Beethoven saiu das suas catacumbas empoeiradas para dar o hit da vida do Cherry Bullet, mas para esse feito, a FNC precisou sacrificar 3 integrantes e o OT7 surgiu. Desde uma faixa que super combina com jogos de vídeo game, pois Fur Elise é sample de boa parte dos filmes de fantasma (Acho que Luigi’s Mansion tem essa faixa na trilha sonora), então o MV só deixa a desejar no quesito game mesmo, pois ele é basico de tudo.

Agora a faixa e a coreô são tudo de bom, até um bate bunda as meninas fazem na hora da ponte.

58: AleXa – Kitty Run

B-side do primeiro EP da russa musculosa, Kitty Run é uma faixa super gostosa de se ouvir. AleXa conseguiu manter a sua sonoridade e, mesmo assim, entregar uma coreografia ótima, num ritmo que não estoura totalmente e consegue entreter muito.

Essa é uma faixa que serve mesmo para b-side, pois ela não carrega a aura da história principal, que tivemos com Al.Tropper e Villain, que são b-sides mesmo, mas trabalhadas como pré-release.

57: Stray Kids – Back Door

Depois do trupé sonoro que foi God’s Menu, eu jurei que os meninos do Stray Kids só seria ladeira abaixo. E por respeito a muitas faixas dessa lista, eles morreram aqui, porque se dependesse da minha vibe atual do Kpop, essa aqui estaria lá no TOP 20, pois socorro, se não for uma das faixas mais inteligentes do Kpop de 2020, eu estou doido.

Back Door tem uma letra tosca, a coreografia chega a ser engraçada com aquele tunel do amor de festa de são joão, mas socorro a batida dessa faixa é tudo de bom, ainda mais toda a mesclagem entre clipe, melodia e coreografia, pois as cenas do barulho de porta, pelo amor, tinha tudo para ser ruim, mas eu amei demais.

56: Girls In The Park/GWSN – After the bloom (alone)

Muitos falaram das b-sides do EP do Girls In The Park, mas ninguém falava em específico dessa aqui. O que estranhei, ou meus gostos são mais estranhos que o normal, pois essa aqui é tudo de bom, toda a melodia, construção. Creio que seria uma follow-up bem melhor do que Red Sun, o single que encerrou a trilogia doida delas.

After the bloom tem uma vibe muito calma, que relaxa, talvez seja isso que tenha me cativado de primeira essa faixa.

55: NaDa – Body

NaDa aproveitou o hype de ter aparecido na plateia do Good Girl para lançar a deliciosa farofa genérica de Body. E, socorro, a vontade de rebolar enquanto fazia esteira aumentou muito com essa faixa. Claro, ela nem imaginava que teria o Miss Baek em que ela participaria, mas fico feliz que esse single foi desovado ainda esse ano, foi meu vício por uns dias. E, mesmo sem presença constante, ainda toca nas minhas playlists.

54: Everglow – La Di Da

Seguindo a tendencia da SoRi com Inicial S, Everglow tirou umas férias do bate lata, e entregou uma faixa estilo Wonder Girls com um MV que seria digno do Miss A (Já que todos falam que a Sihyeon é a fuça da Suzy, que a Yue Hua trabalhe isso). A faixa durou pouco comigo, mas sei ver que ela é ótima, ainda mais que poucos grupos femininos foram para esse lado (Assim, foram ela, Twice, Sunmi naquele feat com o JYP e Brave Girls, mais ninguém, né?).

E o que vicia mesmo é o dance break, que elas se tacando no chão quase é um luxo todo. E levando o fato da Onda cantando aqui, então é lucro.

53: (G)I-dle – Maybe

(G)I-dle está na CUBE, empresa que entrega um mini álbum por ano, e singles adicionais. Mas levando em conta que a Soyeon é a única que produz, então números reduzidos de faixa é esperado. Disso, um EP apenas com 3 inéditos não tinha como não ser coeso, ainda mais que um era a versão inglês da title e o single Lion do Queendom.

Mas Maybe conseguiu um feito enorme, pois carrega a aura do grupo, mas ainda assim consegue ser bem diferente. Não é uma faixa que eu vejo sendo trabalhada como single, mas uma follow-up mesmo, talvez apenas pela Soojin, que é a main dancer, e trazer uma coreô mais complexa.

52: Bling Bling – G.G.B.

Bling Bling foram apadrinhadas pelo KindZilla sem saber disso, pois quem imaginou que teríamos um grupo de Kpop debutando com uma demo girlpower com batida de funk. G.G.B é uma faixa divertida, enérgica, ela estoura muito e, se fosse mais curta, facilmente seria colocada nas festas pós-vacina e ninguém perceberia, até porque ninguém presta atenção nas letras mesmo.

51: Aespa – Black Mamba

E, sim, o debut mais esperado do ano morreu em #51. Claro, já estou esperando Lunei e Dougie chamando de música pau mole, até porque a música não chega a ser o estouro que realmente a SM prometeu. E pela toda a estética que soltaram, se soltassem tudo no primeiro MV, não teria mais hype para o resto.

Porém, acharam mesmo que eu não deitaria para o grupo logo no debut tendo duas sózias da Taeyeon (Winter e Giselle) e mais o vocal da Taeyeon (Ning Ning). A Karina ainda não peguei o hype dela, mas que ela poderia ter arranhado um rap nessa faixa, ela poderia. E Black Mamba teria um hype maior comigo se fosse lançada mais cedo.

E aqui encerramos mais uma parte dessa lista, finalmente chegamos na metade. Espero que gostem, curtam, comentem, quero saber a opinião de vocês, sem acanhamento, beijinhos e até a próxima.

TOP 110: [110-101]; [100-91]; [90-81]; [80-71]; [70-61]; [60-51]; [50-41]; [40-31]; [30-21]; [20-11]; [10-01].

Kpop 2020 – Minha Playlist.

***

Oi, pessoal, como vocês estão? Então, vim aqui fazer uma promoção minha. Para quem não sabe, eu também sou escritor autônomo e independente, possuo algumas histórias publicadas no Wattpad e no Nyah! Fanfiction. Deixarei os links abaixo para quem quiser me seguir lá e me acompanhar, estarei fazendo postagens novas, além de revisões das histórias já lançadas.

Agradeço desde já, do fundo do meu coração, quem puder fazer isso.

Clique aqui para ir ao Nyah! Fanfiction!

Clique aqui para ir ao Wattpad!

16 respostas em “TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2020 [60-51]”

Enfim a aclamação com alguma música dos faves chegou!! Eu particularmente gosto mais de God’s Menu, só porque faz mais meu estilo mesmo, mas Back Door é maravilhosa, e o instrumental foi uma surpresa vinda do Stray Kids. E a coreo de São João é o mais perto que eles vão chegar do Brasil (se bem que rolaram umas conversas do Michel Teló com eles), falando da coreo ainda, eu li e assisti vários relatos de profissionais da dança dizendo que essa coreografia é completamente teatral, então espero ver mais disso no Kingdom!

No mais, eu nem creio que você botou Black Mamba acima de Ladida, chocada demais. Achei esse debut pavoroso, e vc viu aí meus gostos pra música.

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s