Categorias
Red Velvet

Red Velvet estraga mais uma música clássica ao comemorar o Birthday de alguém fora de época

E aí, meu povo, como estão? Bora falar da boleiras que usaram leite azedo nos docinhos desse aniversário?

Red Velvet vinha numa vibe Velvet sem muita força no instrumental de suas faixas, eu mesmo sentia saudades do lado Red mais puro delas, que foi com Zimzalabim o último lançamento. Umpah Umpah foi um lançamento mais misto entre os estilos, tivemos Psycho sendo o maior hit das moças, e depois veio Queendom e Feel My Rhythm com duas músicas fraquinhas delas.

E assim, falaram do sample de mais uma música clássica, seguindo a onda de 2022 (Que poderia acabar, né? Ninguém bateu a perfeição de Hands Up do Cherry Bullet, só NXDE do (G)I-dle), e assim tivemos que seria a nova Dumb Dumb, e ficamos no aguardo.

Birthday começa lento, com o instrumental vazio e somente com as falas das meninas, não é uma música que começa vocalizada, salvo por um ou outro melisma vocal de algumas delas, fica uma música mais parecida com trap do que outro estilo, e a faixa demora muito para vingar, até que chega no pré-refrão, que começa a salvar a música, criando um ritmo que vai dando a entender que o refrão será explosivo nível Zimzalabim, subindo até explodir no refrão.

O refrão não é uma Zimzalabim, mas sim algo que elas fizeram em Power Up, uma música animada, divertida, que não explode em 1001 instrumentais nem tem um drop que estranha com Zimzalabim. O problema volta no pós-refrão, em que elas repetem Birthday eternamente e matam a música por aí, a gente tem um alívio no pré e no refrão, mas assim, não só de refrão que segura a música. E ainda temos a ponte, com um rock mais EDM, que também dá um ar mais novo a faixa.

No final, a música realmente é um “experimental” colcha de retalhos do Red Velvet, mas não algo que se espera do grupo, é uma música meio que sem vida. Parece mais uma b-side do grupo do que uma title, e depois que umas fontes da blogosfera afirmaram que esse foi o single do pior álbum do Red Velvet, então sabemos que vem a calhar a má escolha.

Quanto ao MV, como sempre, belíssimo e bem produzido, só a pegada mais teen que deram combina super com a Irene batendo seus 31 anos, né gente? A Yeri até vai, mas a Irene? A mona dançou naughty dois anos atrás.

Como sempre, a SM não coloca o álbum do RV em forma de playlist no dia do lançamento, então eu tenho que procurar as músicas solo. Abrindo o EP com Bye Bye, eu concodarei com a Rafa, realmente a música parece ter um sample da música do Beethoven, a Fur Elise, a música é mais puxada para o R&B, um estilo bem Automatic.

On a Ride é aquela b-side veranesca com uma pegada mais EDM, uma mistura com teen crush, tem as variações no instrumental, é uma música mais experimental real, com uns efeitos do nada no instrumental: o carrinho de sorvete, o trompete de circo, uma disfunção na harmonia, e assim temos essa música.

Zoom segue a linha do R&B, mas com um quê mais mistico e misterioso, é uma faixa que, se tivesse diferentes construções puxada ao EDM, seria uma boa escolha como title. No formato que ela foi entregue, é mais uma faixa para preencher álbum, mas não deixa de ser ruim não, viu?

E Celebrate encerra o álbum como a midtempo vocal delicada, com estalinho de dedos, e que a gente esquece.

A title não é ruim, nem o álbum, mas é o mais fraco da carreira delas com absoluta certeza, e aí foi o recorde de vendas que teve, com mais de 700K de pré-vendas, fica difícil a SM ao menos tentar se reinventar, ainda mais que se prevendo um comeback ano que vem com mais um EP (Afinal, Joy e Wendy devem fazer seus comebacks solos também).

E como os 10 anos do grupo é somente em 2024, provável que o próximo LP delas seja somente para esse ano mesmo. E por favor, que a SM pare também com essa graça do The ReVe Festival, ninguém aguenta como essa série foi tão mal trabalhada (Apesar que eu amo a série como um todo).

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s