Categorias
MLD

Lapillus continua mostrando ao mundo que a MLD acertou no Momoland e só em Gratata

E aí, meu povo, como estão? bora falar de um dos vários grupos derivados do Girls Planet 999?

Lapillus com esse nome horrores, Nonaka Shana na line-up, irmã mais nova no T1419 e suas músicas péssimas, mas filhas do Momoland, com esperança de lançarem a nova onda do pop mundial, debutaram com um dos piores debuts de 2022, uma música com muito hyper pop e uma letra proibida para menores de 18 anos, vulgo, nem o grupo mesmo poderia cantar, anunciaram comeback com a música Gratata e os teasers indicavam apropriação cultural…

Com um MV que esbanja os mais diversos tipos de CGI e com cenas que facilmente eu poderia me inspirar para fazer um conto meio cyberpunk mais construído que Kwangya, Gratata tem um quê tribal, tem um ritmo egípcio que colocam ao fundo enquanto Scooby-Doo foge de alguma música e assim elas entregaram mais uma música que seria horrível em machos, mas nelas fica menos terrível.

Mas para quê entregar uma coisa apropriativa cultural, quanto temos o Tri.Be que já faz isso de forma bem melhor e com mais carisma. Pelo andar, não tem o dedo do ShingsaDong Tiger nessa faixa, já que ele gasta suas demos ou com o Tri.Be mesmo ou com as filhas dele retornando. Pior que essa faixa é quase um prelúdio para o EXID que estará retornando nos próximos dias.

Eu achei que elas iriam vir só com mais um single, mas recebemos o primeiro EP delas, que claro reciclou Hit Ya e o instrumental de Gratata. Mas elas desovaram um performance vídeo de Burtn With Love, um tropical house mais latino com flamenco, tem um eletropop conversando com o refrão nada cantado, é uma faixa que combina como b-side, mesmo sendo genérica demais explodindo no tropical house no refrão.

E a b-side que, por hora, não tem um clipe, é Queendom, que parece uma demo do BlackPink, que elas lançariam como title, tem a mesma estrutura de Kill This Love, só que sem a pegada mais pauleira no começo, mas também tão mais melódico como How You Like That, que só fica intenso no refrão. Deus ouviu em não colocar essa como title. Até o refrão final é aquela fanfarra barulhenta em break dance.

O clipe é lindo, nem sei o que aprontaram com a letra para fazer algo Gratata, queria que os coreanos entregassem logo a nós do ocidente a tradução. A faixa tem a construção boa no trompetinho, tem uma coreografia marcante, mas fica tudo muito passável, pois o grupo já debutou errado, quando poderia estar fazendo o mesmo, mas com algo menos girl power hyper pop e mais girl power pop.

Uma resposta em “Lapillus continua mostrando ao mundo que a MLD acertou no Momoland e só em Gratata”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s