Categorias
Stayc

StayC dá uma desacelerada nos singles animados delas com Beautiful Monster

E aí, meu povo, como estão? Vamos falar das queridinhas da nação?

StayC, depois de So Bad, que é um single que eu ainda acho superestimado de tudo, sempre teve altos acertos, e embora o refrão de Run2U seja incômodo, o resto da música faz mágica, ainda pensando que a b-side Young Luv é tudo de bom e uma das melhores do ano. Disso, elas anunciam mais um single álbum para a sua carreira, o que eu sinto que é sinal de um full álbum no próximo lançamento.

Beautiful Monster começa com sintetizadores leves e delicados, um toque angelical e etérico, depois os vocais entram delicadamente, se destacando entre si e criando uma atmosférica calma. O violão no pré-refrão deu um ar inesperado para o refrão que explode em cima de mais sintetizadores e com esse aspecto místico da música. A música tem vazios no instrumental que ajuda a criar esse ar intenso da música.

Eu sempre acho os MVs do StayC cheio de nove horas, sem nada a ver com o resto, é um grupo que grita quarta geração nesse estilo fashionista que todos estão adentrando, falta um pouco de roupas de brechó nelas para fazer todo mundo se identificar mais. Claro, eu ainda não vi haters do grupo, mas deve ter um nicho aqui e acolá.

O MV é fofo, não tem muito o que falar, as cenas em desenho e com os detalhes intercalam e ficam bem interessante, dá um ar amais.

Como eu disse, é apenas um single álbum, abrindo com I Like It, um single delicado e romântico, lembra muito os singles de teen rock do final dos anos 2000, e ainda colocando um pouco de hip-hop na ponte para dar aquele toque contemporâneo.

Com Love, elas dão aquele toque tropical house, um single que conecta bem o estilo do álbum, é uma música que intensifica no refrão e cria um ar final de tarde e final de álbum mesmo. E elas encerram com um remix de Run2U, que parece uma demo do BlackPink com um refrão em jazz.

Bom, é um comeback do StayC, é uma nova faceta do grupo, com um ar delicado, intercalando com o que elas já haviam feito, e dando aquele quê forte autêntico amais ao grupo. Tem algumas falhas, como o vocal mais agudo no refrão da title, nada que atrapalhe, óbvio, mas incomoda. E como eu falei, sinto que o próximo comeback delas será com um full álbum, dois anos do grupo já, elas estão num patamar estável e bom para lançar um.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s