Categorias
Wonho

Wonho deixa a fanbase ainda mais Crazy com as biscoitagens do novo comeback

E aí, meu povo, como estão? Bora falar de biscoiteiros?

Vou começar falando que agora meu sonho é o Leedo do Oneus fazer um feat com o Wonho, e espero que isso só saia do papel se for para biscoitarem, nada de baladinha vocal pelo wonho com um rap alheio do Leedo. E disso, bora falar da nova biscoitagem do Wonho?

Crazy é mais uma música do Wonho em que ele entrega um ritmo sensual com vocais menos graves, o que destoa muito da voz real dela, o que entrega um quê menos masculinizado que contrapõe ao corpo escultural dele. O instrumental entrega um ritmo mais EDM com acordes puxados ao R&B, mas que tiram umas férias no refrão, em que um rock mais lento toma conta, com a guitarra tendo uma presença intensa.

E como qualquer MV dele, ela dança na água, com muita roupa, usando outros adereços para dar essa sensualidade bem maior. Assim como os demais MVs dele (Com exceção de Eyes on You, que esse é menos produzido visualmente dizendo), ele não carrega muito roteiro, embora esse ele tenha trazido certas cenas que mais podem significar nada do que um lado propriamente dito de alguma teoria.

Enquanto o debut (ambos os MVs) tem uma história mais palpável (Até posso trazer um “Entendendo a história”), aqui ela tem esse arco futurista com ela descobrindo um tempo antigo, até aparecer uma estátua de um cara querendo fazer algo com a boca, cujo formato seja cilíndrico, e ele amarrado por um monte de cordinha de varal comparado aos músculos dele.

E recebemos o terceiro mini álbum dele, bem preguiçoso, já que há apenas 2 inéditas, o que pode ser um sinal de que o full álbum dele está próximo (E eu acho que esteja, já que o bombadão ainda não foi ao exército, e tá batendo o prazo final para ele se alistar).

Abrindo com Intro: 9AM, é um instrumental mais pianinho eletrônico, sintetizadores, nada entregando o que foi a title.

Close é a faixa lenta sensual, com sintetizadores em meio a uma balad vocal com uma banda ao fundo, é aquela música que serve de OST para algum k-drama B da vida. White Miracle é single avulso que ele lançou e fez a versão em coreano para preencher espaço, segue a mesma linha de Close, só que mais emotiva e mais agitada. E o Outro:9PM é o contraponto, é um encerramento com acordes mais clássicos e delicados, relembrando até música natalatina.

Tirando a title, que poderia ser somente um single, até mesmo um pré-release para o LP do gostosão, o mini é esquecível, o que é uma pena, ou nem tanto, pois o Wonho apanha um pouco em fazer b-sides memoráveis, eu conto nos dedos a que se destacaram comigo. E provável que eu encerre como toda pauta sobre ele, e o exército, né? Quando a gente acha que ele vai, ele me surge com um comeback e promoções. Se nem promovesse, dava para fingir que ele tava fazendo comeback e fazendo exército ao mesmo tempo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s