Categorias
KPop

CLASS isn’t over! O debut selvagem de Class:y é uma delícia e uma perfeição

E aí, meu povo, como estão? Bora falar de um debut bem nem não falado assim?

Class:y é o grupo derivado do famoso My Teenage Girl, da MBC, que teve sua final em fevereiro. O survival show tinha N problemas, principalmente por colocar idols de 10 fucking anos !!! para competirem, mas isso não impediu que fossem ao ar, tivesse muita repercussão, principalmente por ter Soyeon do (G)I-dle e Yuri do SNSD como mentores em algumas etapas.

Assim, o debut finalmente veio, eu estava esperançoso, tinha achado os teasers muito farofentos, então era questão de ouvir e amar…

CLASS IS OVER! Uma pegada tribal em um pop bubblegum que mescla os ápices do teen crush é um estilo de ritmo musical que não tem pipocado tanto no Kpop. Com ShutDown, o grupo entregou uma sonoridade que eu amo muito, um estilo que me abraça e que eu gosto de ouvir, pode mostrar atitude das integrantes sem elas ficarem com cara de possessas de raiva e ódio no olhar.

Claro, geral conseguiu notar a semelhante com PTT do Loona, está tudo lá, sem tirar nem pôr, apesar de eu achar esse refrão melhor que o das Aluadas e que a faixa não tem o drop que me incomodava em Pintar a Cidade. Mas, o grupo ficou parecendo um Tri.Be, só que com mais orçamento.

Mas assim, pensando que o Tri.Be ainda não deu as caras esse ano, o que me parece um mal pressentimento, visto que alguns rookies estão sobrevivendo menos que uma gravidez de elefantes (21 meses), essa substituição me parece preocupante, mas claro, Tri.Be pode vir com o mesmo estilo musical assim que o Class:y sair dos holofotes e irem intercalando assim, o que eu não acharia nenhum pouco ruim.

E quanto ao MV das bichinhas recém-paridas? Algo meio “All of Us is Dead” com Detona Ralph, achei conceitualmente brega e divertido, ponto para elas.

Mas uma coisa eu preciso reclamar, achar o nome do grupo no Youtube é um inferno por conta dessa joça do : no meio, qual o problema em ser apenas Classy?!

Disso, elas debutaram com um mini álbum, o poder delas! Nem vi quanto vendeu, mas devem ter ido bem. Abrinco com UP, parece uma demo que o IOI lançaria depois de Very 3x, é divertida, colorfull, tem um quê engraçado, tem uns peidos eletrônicos no fundo, não é uma faixa que encanta muito, acaba enjoando uma hora e morre do nada.

Já em Tell Me One More Time, é uma faixa festiva, é aquela melodia final de tarde, engraçada, com um quê intenso e poderoso, diverte muito, tem um frescor verão, e pensando que estamos chegando na estação lá, posso pedir um MV para essa faixa?

Super Cool tem um leve problema que parece que as meninas falam “Eu chupo cu” e isso eu só consigo ouvir a partir do momento em que ouvi. Fora isso, é uma demo tryhard em que elas emulam uma versão menos gostosa e poderosa de Ven Para do Weeekly.

E encerramos com Feelin’ So Good, um fresh pop praieiro mais puxado ao aegyo, algo que Teen Beach lançaria.

Eu achei o debut das meninas bem gostoso, muito bom, provável que elas vão escalar comigo um pouco, mas vai saber, as vezes é aquele debut que eu acho que vai durar, mas some depois nas minhas playlists, ainda mais pensando que estou sem YouTube Music, tá foda, é isso.

Uma resposta em “CLASS isn’t over! O debut selvagem de Class:y é uma delícia e uma perfeição”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s