Categorias
Red Velvet

SM tem medo de arriscar com o Red Velvet em estado de renovação de contrato com Feel My Rhythm

E aí, meu povo, como estão? Surtando com a faculdade de vocês que é uma incompetente e soca as coisas no Centro Acadêmico para resolver porque sabem que são incompetentes?

Então, Red Velvet vinha prometendo O comeback da vida para esse que talvez seja o seu último, já que as cinco crias do F(X) está para dar tchau e bença da empresa. Claro, com elas batendo mais de 500k em uma pré-venda, talvez a SM dê uma suavizada com elas, ou talvez só cague para o grupo como todo GG da empresa.

Disso, o hype era grande, o teaser do MV ficou lindíssimo, prometendo o clipe mais lindo da carreira, e a música dava aquele ar de Psycho 2.0, mas foi isso que recebemos?

1001 spoilers falsos que meio mundo saiu soltando, para no final recebermos uma demo requentada e morna do Queendom. Feel The Rhythm é uma faixa que mescla o clássico de O Lago dos Cisnes com o synthpop que tanto gostamos de ouvir, mas ele peca muito em ter um refrão monótono e linear com a faixa como um todo.

Todo o ar clássico está aqui, tem a demo sampleada do Bach, e nossa, se fosse um Hands Up do Cherry Bullet, um cropped e elas reagiriam muito bem, então só vamo galera, mulheres! Só que a música morreu mesmo antes mesmo de começar.

Eu prefiriria a SM atirando para algo mais pesado e experimental como RBB ou Zimzalabim para um próximo comeback mesmo vir com uma title mais safe, não é ruim fazer isso. Ou assume logo que o grupo poderia ter vendo 500k com um LP e duas titles (Afinal, The ReVe Festival: Finale não é LP nem aqui nem na Coreia do Sul).

Disso, a demo ficou cansativa depois de um tempo, e isso é totalmente jogado fora quando pensamos no tanto que o MV é perfeito, toda a estrutura poderosa, todo o visual clássico e teatral, mesclando com aquelas cenas rebuscadas de pintura art nouveau, ficou um clipe que é lindo de se ver no mudo.

E isso podemos citar para as demais faixas do EP. Que mini álbum caminho de esquecível. Não tem uma faixa que me faça acreditar que seja uma b-side que grite mais forte que a title, e isso pode ser até bom, a title acaba se destacando muito.

Todas as faixas são boas dentro da proposta do álbum, que é todo coeso diga-se de passagem, mas é um trabalho tão fraco que chega a ser depecionante de ouvir, e estamos falando de um grupo que me abraçou com faixas tão perfeitas sempre, mesmo as fracas. Enquanto no começo eu odiei Zimzalabim, hoje eu imploro por uma follow-up. Quem sabe seja assim com essa, não sabemos, a faculdade não está me deixando ouvir faixas amenas que eu preciso forçar para gostar, isso pode prejudicar muito as Boleiras, mas quem sabe, espero que a demo japonesa seja maravilhosa, aceito uma Sappy nova.

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s