Categorias
Red Velvet Time Machine

Time Machine: Virando a chave do debut, Red Velvet retorna com Be Natural

E aí, meu povo, como estão? Totalmente naturais?

Red Velvet teve muito barulho para um debut que não agradou muitos, mas reinou nas minhas playlists depois que conheci a faixa. Fazendo uma tradição de primeiro comeback dos grupos, como ocorreu com Girls’Generation e Shinee, elas viriam com uma regravação de uma música antiga. Dessa vez, era pegaram uma canção do finado SES, primeiro grupo feminino da SM.

E a escolhida foi Be Natural, que praticamente era o oposto de Happiness. Mostrando já a versatilidade do grupo, além de uma roupagem nova, elas miraram num R&B BEM sensual, com uma pegada jazz, fazendo uma construção mais intensa. É uma faixa que não apresenta muitas camadas, mas ela entrega todo o poder vocal das integrantes, até mesmo a Irene que não apresenta tanto alcance.

Nisso, já recebemos a primeira aparição do idol que seria o rosto do novo grupo masculino da empresa, o Taeyong do NCT, uma vez que o grupo logo após dois anos do debut do Red Velvet (Eu tô chocado que o NCT completará/Completa 5 anos agora em 2021).

E o MV não tem muito que falar, pois são elas sendo sensuais em cima de cadeiras enquanto usam terninhos justos e deixam aquele clima ainda mais intenso de sensualidade no ar.

Red Velvet realmente mostrou um lado novo do grupo nessa faixa aqui, então canções como Our of these nights, Psycho e BAd Boy não eram tão estranhas para a fanbase receber como comeback (Tanto que eu só conheci esse lado Velvet do grupo lá com Bad Boy).

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s