Categorias
SM

Demorei, mas vim comentar o que Lee Soo Man quis fazer com a bagaceira Step Back do GOT the beat

E aí, meu povo, como estão? Bora de atraso, mas aqui estou com esse post!

Do nada, o SooMan decidiu dar um canetada com uma ideia que todo mundo queria desde que ele também fumou um e sonhou com o SuperM, e tivemos a formação da unit Girls On Top, que pegariam as molheres da SM e juntariam num grupão para lançar hinos feministas que dessem um show no machismo, fazendo o papa renunciar e colocar uma papisa, os padres casarem e os vinhados aclamarem e virando pneus das sapatonas.

E para uma primeira unit, temos a GOT the beat, que foi formada pela rainha de Kwangya, BoA, as garotas geração Taeyeon e Hyoyeon (A famosa tiktoker DJ HyO), as boleiras vermelhas Wendy e Seulgi e as novinhas guerreiras de Kwangya Winter e Karina.

Em resumo, as corenas do Aespa, as não atrizes do Red Velvet e do SNSD. Disso, segundo fontes reveluvs, a Wendy está aceitando tudo que é convite, mas a surpresa é ver a Taeyeon nisso. Prometeram o que a ela? Um novo full álbum? Uma nova plástica para ficar diferente da Winter? Um palácio numa ilha da Coreia do Sul pro Zero? Não saberemos.

Naquele SM Town, que comentei logo no dia 01 de janeiro, elas fizeram o debut stage e a música, Step Back, só conheceria as plataformas digitais no dia 03.

Ainda não entendo qual o problema da SM em juntar mulheres e colocar elas para lançar, sei lá, uma Genie, uma Paparazzi, ou até uma Love & Peace. Não, tivemos outra demo do NCT. Mas aqui somos a favor de mulheres, um hino com 7 mulheres fazendo as gostosonas do rolê enquanto usam uma demo disfuncional de algum cântico gregoriano é tudo de bom. Ou não tão bom, que também dividiu opiniões.

E claro, como não temos a Irene aqui, ela bateu no letrista para ele fazer uma música feminista? Não, ela deve ter ficado em casa, pois a letra fala sobre uma mulher botando a outra mulher para trás porque deu em cima do macho dela. Nossa, que letra anti-feminista e blá-blá-blá, a sororidade…

Gente, na atual situação, uma letra que fala sobre duas que dão um fight por conta de homem, é mais uma representação da realidade do que um ato anti-feminista que vai fazer as mulheres voltarem para as casas apenas cuidando dos filhos. Sabe aquele caos que o Lunei falou sobre liberdade de expressão? Então…

E outra, dá para uma mesma letrista ter esse mesmo aspecto, somos humanos, o pessoal tem ciúmes. Ah, mas eu apoio todas as mulheres, mas aquela vagabundo que deu em cima da minha mulher eu vou catar no tapa. Nem todo mundo decide juntar as tchekas e fazer um La-di-da-doo, ba-ba-di-da, la-di-da-doo, ba-ba-di-da com as 3 pélvis num menage.

E como não tivemos um MV oficial, a SM é uma nojenta mesmo, vamos falar da performance. HyO e Karina dividindo o rap foi tudo, a BoA Hyo e Seulgi no dance break foi maravilhoso, a Wendy, Winter e Taeyeon soltando o gogó foi impecável.

Mas eu gostaria de saber quantos dias a Taeyeon ficou na banheira de gelo, porque fazia tempo que não a via dançar tanto assim, deve ter tomado um bom anti-ferrugem para as juntas.

E não serei ignorante em dizer que não gostei, tô ouvindo em loop a faixa, mas claro que tem mais o apelo do biasismo do que a música ser boa. Eu jamais daria moral para um, sei lá, P1Harmony cantando isso.

Uma resposta em “Demorei, mas vim comentar o que Lee Soo Man quis fazer com a bagaceira Step Back do GOT the beat”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s