Categorias
2021

TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2021 [40-31]

E aí, meu povo, como estão? Pessoal começou a postar seus TOPs ou listas, tem corrente lá no meu twitter, e bora para mais uma parte para preencher os 70% lançados.

40: Kingdom – Black Crown

De todas as faixas do Kingdom esse ano, inclusive das álbum tracks, que não seguiam quase nada as titles, Black Crown conseguiu ser uma versão melhorada de Excalibur. Aqui o catédrico está mais em alta, consegue ser mais forte ainda com a pegada balé russo que deram a melodia. Infelizmente o MV não é todo de bom, eu acho que deixa umas brechas para abusar de uns visuais ruins e trabalha um roteiro básico de Luz X Sombras.

Mas isso não impede da faixa ser o ápice do conceito medieval que o grupo já entregou. Eles realmente conseguem cantar e dançar com essa construção, é uma faixa que se estende nas minhas playlists e vai me ganhando sempre.

39: N.Flying – Fate

Das várias bandas desse ano, N.Flying se destacou muito mesmo, o full álbum não apresenta muitas faixas chamativas, como a title, e o repacked até que faz bonito, mas Fate tem aquele ar melodramático que ganha fácil pela construção da melodia, é uma música que te prende e você fica ouvindo sem perceber que o tempo vai passando, foi um acerto e tanto.

38: IZ*ONE & Soyou – Zero Attitude

Poucos são os CFs que me fazem cair de amores ao ponto de subirem tanto assim, mas vamos pensar que temos a Soyou e algumas chaves do IZ*ONE aqui para dar aquele ar melhor na faixa. Vulgo, a Eunbi, que sempre chamou minha atenção enquanto a Chae não estava. Claro, aqui tem as mais famosas do grupo (Exatamente as duas que debutaram solo, uma do IVE, a japonesa mais aclamada e a atriz mais cara de a sofrida do baile). Eu lembro que fiquei ouvindo essa aqui no repeat sem parar quando lançou. MAS, eu facilmente tiraria a parte de rap e colocaria a Chae para fazer o rap, mesmo que seja um rap mais lento.

37: PIXY – Moonlight

Eu me surpreendi com essa do PIXY ganhando um clipe, mesmo que seja uma animação. Moonlight é aquela música que você não coloca fé quando escuta pela primeira vez, mas a melodia vai te hipotizando, você vai amando cada vez mais, se entregando cada vez ao ritmo, o refrão é um sensual sem parecer sensual, não sei se pelo MV dar esse ar mais Carmem Sandiego que tira esse ar, mas a faixa hipnotiza, não tem como não viciar.

36: LightSum – Vivace

E aqui temos o Weki Meki da CUBE, LightSum conseguiu mirar um teen crush e ainda está acertando muito bem nesse estilo. Enquanto o debut foi despivetado, o primeiro comeback elas foram para uma festa de debutante, voltado ao house como forma de mostrar versatilidade, tudo dentro do mesmo estilo, que é o teen crush. A música é uma demo Cosmic Girls/IZ*ONE? Sim, e isso mostra que a CUBE soube que ficou um vácuo sonoro desse estilo (Só espero que seguram a Secret Story of The Swan delas para bem depois, uma mudança musical agora seria um tiro no pé a la CLC, ainda mais que o grupo não apresenta uma Soyeon).

35: Loona – PTT

Bora pintar a cidade? Bora! Essa aqui do Loona tinha tudo para ser a mais aclamada pela blogosfera, eu notei nas entrelinhas de geral que só o refrão com drop que ferrou com tudo. Mas como eu gosto de uma bagaceira genérica, Loona fez melhor aqui do que em Why Not e So What, por exemplo. A melodia bollywoodiana é tudo de bom e o pós-refrão é um vício enorme, um dos acertos do Loona (talvez Hola Hoop eu comece a gostar algum dia, por hora, não).

34: Bling Bling – Oh Mama

Falando em farofa genérica de raspar o cu no chão na balada, Bling Bling entregou sem prometer nada. Enquanto o debut foi funk, elas miraram num reggaeton Shakira tentando entrar no mercado estadunidense, com uma farofa genérica, batida viciante, uma coreografia tiktok e um clipe que realmente focava na coreografia. A música é muito boa, ela é viciante, é para quem sente saudades de épocas em que não tinha teoria em clipes e a função era você ficar com dor nas pernas de tanto dançar.

33: WJSN The Black – Easy

Mulheres sexys de terno sempre setão uma jogada para vinhados conseguirem abraçar um grupo que entra na coreografia desfilando de forma sensual. Um house safadíssimo foi o elas trouxeram, mostrando um amadurecimento do grupo, mais específico dessa unit, contraponto com o chocome. Aqui o vício é enorme, a faixa é um brinco e já quero comeback. Pior que nem dá para pedir um grupo com esse estilo debutando atualmente com o povo mal saindo da fralda e indo parar num grupo de Kpop.

32: Tri.Be – Would You Run

A melhor do Tri.Be de 2021 é Would You Run, aqui tem funk, tem pop, tem ball room, uma faixa que abraçou todas as classes de vinhados do mundo e fizeram o grupo tribalizar todo mundo. A faixa tem uma construção que parece ser estranha, mas agrada muito, principalmente a transição do refrão, lembra até o que Everglow fez em Pirate, se pensar, mas aqui elas abraçaram os estilos que tinham no debut e aumentaram a força.

31: Purple Kiss – Cast Pearls before Swine

E para encerrar essa parte 7, temos Purple Kiss. Sim, a b-side de Zombie subiu esse tanto. Eu real não sei qual a mágica de Cast Pearls before Swine, mas desde quando ouvi, eu viciei, a melodia e a construção da faixa são perfeitas demais, aqui elas acertaram tanto, elas fizeram uma obra com essa melodia, simplesmente perfeitas.

E amanhã entramos no TOP 30, estamos chegando no final, quem será que chegou tão alto comigo, quais foram os debuts do ano? Ainda tem debut para subir, fiquem de olho!

TOP 100: [100-91]; [90-81]; [80-71]; [70-61]; [60-51]; [50-41];

11 respostas em “TOP 100 | As melhores músicas do Asian Pop em 2021 [40-31]”

Duas das minhas favoritas do ano nessa parte.

O refrão prejudicou muito “PTT”, o que é uma pena. Em compensação, esse é um dos MVs mais lindos delas (e olha que a videografia do LOONA é impecável).

No mais, “it’s so eeeeaaaaaasyyyyyyy… I’ll make it look good for ya”

Curtido por 2 pessoas

Nossa, de todas essas aí eu só ouvi três kkkkk
Mas ironicamente são as 3 que não saberia dizer qual ouvi e fui gostando cada vez mais: PTT (descobri o Loona esse ano kkk), Cast pears before swine e Would you run (a primeira música do TRI.BE be da loca que eu consegui gostar)

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s