Categorias
IVE

IVE faz seu debut fraco com ELEVEN

E aí, meu povo, como estão? Sobrevivendo a esse dia de muita calmaria?

I’VE é o novo grupo feminino da Starship e veio numa época certa com Cosmic Girls fazendo seus comebacks anuais aos seus cinco anos de vida. E contando já com nomes famosos, a Yujin e a WonYoung do IZ*ONE, o grupo apresentou um hype enorme, vendo mais de 40k de cópias do seu single álbum de debut, mostrando já a força de rookies que elas estão vindo com força, só falta ver se elas terão apelo com o público igual o Aespa vem tendo, por exemplo.

O grupo, eu achei, muito visual, as meninas apresentam uma beleza única dentro dos padrões, mesmo a maioria sendo totalmente padrão dentro da Coreia, mostrando que a empresa realmente visou um grupo visual, ainda mais levando em conta a fucking WonYoung.

Eleven é uma mescla entre os estilo Crush: tem um pouco de teen, um pouco de girl e um power ali no meio. A faixa poderia ser trilha sonora de Aladin, para ter uma ideia, de como as batidas são arábicas e até infantis para um grupo que veio com ma roupagem madura. A faixa tem um ponto apenas que é fraco, que é o pré-refrão, que do nada desacelera de forma estranha e estoura no refrão, como se rebobinassem uma fita.

O refrão é bom, até mais que eu esperava, mas a faixa se torna comum para algo que o (G)I-dle poderia fazer ou até o Tri.Be, mas eu não via a Starship dando essa roupagem para o grupo novato.

E assim como eu disse, a Starship sabe que montaram um grupo bem visual, então há várias cenas de muito carão e muitas cenas que colocam o rosto das integrantes no holofote. E tirando algumas cenas que tinha uns efetios de CGI aqui e ali, é um MV com um bom orçamento, a empresa sabia do retorno do grupo, então socou muito money nisso aqui.

Eu achei a coreografia do grupo até que interessante, está naquele meio: é difícil o suficiente para ser Kpop, mas não difícil ao ponto delas precisarem sobreviver de playback. O problema é que tudo isso faz o grupo ser mais um bancando as minas estilosas em meio a vários. E vocês podem reclamar o que for, Aespa ainda se destaca, mesmo tendo um roteiro batido e tosco por trás, PIXY consegue ser um girl power batido, só quem uma história.

Claro, o povo já está abraçando o grupo, as meninas venderam bem, só falta saber como elas estão nos charts (E claro que a WonYoung deve dar um up no hype para esse grupo, a menina tá em tudo).

E ainda tivemos uma b-side, até porque single álbum com uma faixa e seu instrumental é muito YG. Take It realmente parece uma follow-up de Secret Story of the Swan do IZ*ONE, só que com uma pegada mais teen crush, até poderia ser uma title do Weki Meki ou do Lightsum. É uma faixa divertida, aqui a Yujin conseguiu soltar mais o vocal do que soltou na title, a faixa é muito boa.

Eu estou num misto com esse debut. Tem horas que eu o acho fraco, tem horas que eu acho super bom e interessante, tem cenas que o grupo me entrega TUDO, mas tem muita cena que eu fico “Sério?”. No final, talvez eu me vicie a faixa, mas vamos esperar.

2 respostas em “IVE faz seu debut fraco com ELEVEN”

Concordo, achei essa música uma baladinha muito boa de ouvir, mas já esqueci em 5 minutos, muito fraco para o single principal, parece mais um b-side, apesar de achar todas lindas, puras e caristicas, parecia um grupo kids da Disney, não havia algo de destaque na canção ou coreografia, faltou alguém soltar a voz pra dar algum impacto, mas acho que os produtores sabiam que todas tinham habilidades básicas pra medianas, então não arriscaram em nada!

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s