Categorias
ITZY

ITZY lança a segunda title com Swipe

E aí, meu povo, como estão? E esse final de domingo depois de um apocalipse com essa chuva que deu hoje?

E ITZY continua com as promoções do seu primeiro full álbum, o mundo odiou LOCO, não gostaram do LP delas, eu mandei todos os blogueiro lavarem seus ouvidos e suas mentes por não entenderem a preciosidade que foi LOCO tudo mentalmente (Mentira, eu amo todos), já gravei um cover de LOCO, eu acho que não ficou conforme eu quis, pensando mesmo se eu posto hoje ou continuo ensaiando e gravando. E vamos comentar sobre Swipe.

Swipe é uma faixa BEM duvidosa, não me pegou de primeira, mesmo carregando estilos bem semelhantes aos que elas trazem em suas b-sides, mergulhando no PC Music e indo mais ao trap pop. A faixa tem um refrão que incomoda, apesar de ser viciante em muitos pontos. E com uma letra que gira em torno de um Thank You, Next, como se fossem stories das redes sociais, para não meter uma promoção do Tinder, por exemplo.

E o MV é basiquinho, tem um CGI bem duvidoso, tem as meninas se divertindo, ou parecendo que estão, muito efeito, muito carão e coreô para a fanbase se divertir.

E finalmente estou ouvindo o álbum do ITZY, e é um álbum muito diferente do que elas poderiam entregar, pois mesclaram de tudo um pouco na carreira delas, e vendo o álbum do Twice, o Twicetagram, eu achei bem melhor, mas ainda assim vemos que a JYP demora um pouco para engatar nos álbuns de seus acts (Pensando que a JYP voltou a acertar com o Twice nas b-sides de Fancy You para frente).

Sooo Lucky é uma faixa divertida, ela é fresca, remete muito ao verão, então é tudo numa construção legal e divertida de se ver. Outra que também me chamou muita atenção foi Love Is, é uma faixa fresh veranesca, com um refrão em EDM cantado, é uma faixa bem fim de álbum, apesar de não ser a última (Original no caso).

Chillin’ Chillin’ é uma faixa também que pega o lado aegyo do grupo, mergulhando num ritmo bubblegum super confortável, embora eu tenha achado que não precisava de rap na faixa. Mirror encerra as originais, e nossa, as baladinhas do ITZY são bem gostosinhas de ouvir, é uma terapia como elas são relaxantes, e nessa aqui o vocal delas não está agudo demais como ocorre as vezes.

Não é um álbum tão aproveitoso assim, poderia ter caprichado melhor, talvez colocar uns estilos mais diversos, não sempre o mais do mesmo que o ITZY costuma entregar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s