Categorias
IZ*ONE

Time Machine: IZ*ONE grita Violeta! para você comprar flores

E aí, meu povo, como estão? Prontos para comprar essas violetas?

Debut odiado, line-up atacada, mas IZ*ONE vinha sendo um dos grupos mais lucrativos desse mundinho do Kpop e as vendas subiram até que bem do seu debut para o seu primeiro comeback. Eu me lembro que quando saiu foi uma surpresa, pois eu não acompanhava a fundo o Kpop ainda, apenas alguns grupos muito específicos, então eu nem vi teasers, nem nada, apenas vi que tinham lançado comeback e fui atrás de ver.

“No nai Violeta!” e como eu amei essa faixa logo que saiu, foi uma surpresa realmente elas seguirem a estética do debut com as flores, essa pegada sintetizadores com toques do bubblegum, mas sem cair no aegyo, colocando marcas do eletrônico foi algo que me chamou muita atenção. Ainda não tinha ninguém que realmente me chamava atenção no grupo, mas Lee Chaeyeon ganhava aos poucos meu coração e a raiva quando ela não era center na coreografia, até porque é a main dancar.

O Mv de Violeta pegou o que deu certo em La Vie en Rose e colocou aqui de novo. Focando numa das dançarinas em um momento específico, pode trabalhar o mistério sobre quem ela ser até o final. Além disso, o foco em cores pasteis, como o azul e o verde perduraram o clipe todo, além de todas as cenas lotadas de luxo que escorrem pela tela, principalmente a Woonyoung esparramada pelas flores ou a Sakura segurando aquelas joais.

Mas a surpresa mesmo foi a coreografia, que me pegou no refrão de forma bem certeira. E, apesar do spoiler do teaser, como eu não acompanhei, então era uma dança que foi surpresa a mim.

Elas vieram com outro mini álbum para esse comeback. Abrindo com Hey. Bae. Like it, elas seguiram por um bublegum pop que cai num aegyo angelical, tanto que o vocal de todas está super agudo e esganiçado, ao ponto de incomodar muito. Com Highlight, elas decidiram virar o disco num club house que o Girls In The Park lançaria como b-side de Bazooka se a empresa delas não tivesse falindo. Aqui elas seguem a linha do grupo, mas conseguem aplicar um tom mais maduro, principalmente no vocal.

Really Like You é uma balad vocal country, com os toques em violão ao fundo. Facilmente botem todas ao redor de uma fogueira para cantarem. Só o refrão que possui aquele crescendo orquestralmente, o que dá um toque diferente. Airplane segue a linha bubblegum aegyo, o que conversa com os vocais mais diferentes das meninas, como da Yena, que é mais anasalado.

UP segue a mesma linha de Airplane, algo synthpop com um bubblegum bem entrelaçado, é uma faixa verão, pois o refrão cai no tropical house conhecido, mesmo sem ser aquele ritmo batido. NEKONI NARITAI é um city pop aegyo que o AKB desova como b-side, e não seria surpresa elas requentando as demos na Coreia do Sul, o que meio que já seria o esperado, é um faixa divertida, e bem mais interessante que as próprias que elas já entregaram.

GOKIGEN SAYONARA segue a linha aegyo do city pop, os sintetizadores no ponto certo e, como o nome diz, é uma música de despedida, tanto que carrega aura de fim de filme infantil, que todos cantam juntos como se a felicidade reinasse no mundo colorido. Apesar do refrão não explodir, ele acaba cativando um pouco.

É repetitivo o que falarei, mas IZ*ONE é um grupo de titles ainda. Sabemos que o full álbum trouxe álbum tracks boas, mas até agora, apenas faixas fracas e sem expressão. Então fico com minha Violeta que ganho mais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s