Categorias
Saturday

Time Machine: Saturday dançam num diner em Bbyong

E aí, meu povo, como vocês estão? Tudo numa boa ou só esperando a queda do David Guetta com a ascensão da DJ HyO?

Saturday é um grupo bem pequeno na kpopesfera, mas consegue cativar pela sua line-up enxuta, com atalmente 5 integrante, o carisma das meninas que exaalam pelos poros em canções chicletes e apresentações ótimas. Como eu havia noticiado alguns dias atrás, a empresa passa por problemas financieros, uma vez que o principal lucro delas vem de shows e tudo mais.

Contudo, com a pandemia que nos cerca, as meninas entraram num hiatus um pouco maior e que o p´roximo comeback no mês de agosto sairá graas aos esforços de todos, principalmente das integrantes, que tiveram participação ativa na produção do figurino.

Com isso, vamos a mais um time machine.

Bbyong foi o terceiro single do grupo, segundo comeback e primeiro em que conhecemos a formação original. Considerado uma faixa alegre, que busca conceitos no retrô, num pop-jazz mais energético, algo que remeta muito o kpop da década 2000. O uso do trompete na construção ajuda muito a causar o vício na música, o que não é nada ruim. O drop de rap é bem encaixado, uma vez que entrega a brigde que as músicas esperam.

O MV brinca bastante com cenas simples, com pouca ambientação, mas com bastante referências aos anos 1970/80/90 e ao filme De volta para o Futuro. A coloração em rosa e roxo marca bastante as meninas, ainda mais quando destoam com o figurino laranja, ou combinam com a roupa rosa.

O álbum que contém esse single é o IKYK, o qual vendeu cerca de 1800 cópias em solo coreano. Contudo, creio que não passaram de 2000 cópias contando as que venderam para o resto do mundo.

Como eu venho falado, Saturday é um grupo que apresenta músicas excelentes, integrantes carismáticas e que exalam talento quando se apresentam, são bastante alegres em suas lives. O CEO da empresa apresenta um carinho por elas e, mesmo com a situação financeira delicada, ele afirma que o disband não é uma possibilidade, mesmo com a situação (Já vimos casos bem semelhantes, como da Woollim e o Infinite, hoje uma empresa consolidada e o Infinite um dos maiores grupos da 2ª geração).

E esse foi o time machine, até um próximo post, cuidem-se e beijinhos :).

Uma resposta em “Time Machine: Saturday dançam num diner em Bbyong”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s