Categorias
TOO

TOO mudam para um pop mais colorido em Count 1, 2

E aí, meu povo, como estão? Cuidando da saúde mental ficando no Tic Toc? Ou estão fugindo de lá?

TOO foi o segundo eliminado do Road To Kingdom e não conseguimos saber qual a música que eles lançariam no Comeback War. Contudo, podemos ver como eles cresceram em suas 1001 versões de Magnolia, já que a MNet socou o grupo no programa durante as promoções do álbum de debut.

Count 1, 2 é uma música mais alegre do que vimos no debut, essa trouxe um lado bubblegum, uma mescla alegre de eletrônico com retrô. O uso intenso de cores mais claras, bem estilo colegial, quse caindo num aegyo que o Stray Kids há um tempo atrás usava quando não tinha achado a sua marca registrada, tanto que a similaridade entre estilos é de se debater (O que não é ruim para o TOO, uma vez que as Crianças Héteras do JYP estão bancando o Steve aoki no EDM de baixa qualidade enquanto servem menus de gosto duvidoso).

O clipe condiz muito com o que se espera do ritmo, algo alegre, colorido, abusando do aegyo, sorrisos, beleza dos integrantes enquanto estão alegres na garagem de casa jogando jogos no celular ou vibrando numa coreografia.

Eu sou suspeito a falar do TOO, porque do mesmo jeito que achei o debut morno e genérico, hoje eu escuto bem. Os meninos me surpreenderam no Road com o cover de Rising Sun do TVXQ e ON do BTS, mas a intro de Magnolia ficou por ficar enquanto a apresentação dualística deles da title é estranha (Vamos fingir que aquela coisa tenebrosa de Hard Carry do GOT7 nunca existiu). Com isso, eu reafirmo que a linha deles ainda é estranha.

Sei que o grupo é rookie, sei que eles devem levar rasteiras nos prêmios se o grupo masculino novo da Big Hit sair esse ano (Isso se a Coreia do Sul não dormir para eles como estão fazendo com o I-Land, fazendo o programa flopar em audiência) ou os novatos da Starship devem fazer um limpa também. Contudo, ainda acho eles bem perdidos, as titles não condisem com as b-sides, fizeram todo um estilo mais badboy no RTK para virem um estilo moleque mimado virado no aegyo?

Acho que eles conseguem se destacar, pega o que deu certo no programa e dilui com eles, VeryVery está emulando o VIXX, Golden Child está pegando as demos do INFINITE, Pentagon caprichou no BTOB 2.0 em Basquiat, creio que dá para eles hackearem o drive da Swing Entertainment e pegar as demos do que seria o comeback de janeiro do X1.

3 respostas em “TOO mudam para um pop mais colorido em Count 1, 2”

ADORO Tic Toc xD Tava escutando hoje de novo inclusive ❤
Sobre o TOO, amei a vibe mais antiga da música, não parece muito que eles estão emulando retrô, só parece que a demo é antiga mesmo… Não acho que supero do Golden Child como pós RTK, mas fica no 2 lugar fácil pra mim (ate o Oneus e o The Boyz voltarem pelo menos)

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s