Categorias
BlackPink

A primeira semana de BlackPink

E aí, meu povo? Como vocês estão?

Hoje completa a primeira semana de lançamento de How You Like That das PretoRosa, e vim atualizar alguns pontos da minha pauta original, além de alguns adendos sobre alguns comentários que acho viável comentarem sobre (É coisa de fã querendo passar pano, e vou aproveitar o BO todo).

How You Like That bate o recorde deMV de Kpop mais visto nas primeiras 24 horas

Com mais de 82 milhões de views, o comeback do BlackPink bateu o recorde anterior do BTS, com Boy With Love e, pelo visto, manterá esse recorde até um próximo comeback de algum dos dois grupos para o ano que vem. Por que digo isso? Se repararmos, os MVs lançados primeiro de cada grupo por ano tende a ter mais views que os próximos, pelo fator inédito do nome no youtube quanto pelo próprio algorítimo no site. BTS lançou 4 clipes (Suga – Shadow, BTS – BlackSwan, J-Hope – EGO e BTS – ON Kinnect) antes do Oficial de ON, então seu nome não era inédito, mesmo após as mudanças na plataforma. Tanto que ITZY e BlackPink conseguiram passar esse MV sem muito esforço da fanbase (Até porque armys tinham mais MVs para darem MV do que os outros dois grupos, mas ok)

Comentário de fã: “How You Like That não precisa ser forte porque é um pré-release, ou seja, é apenas uma b-side. Assim como Stay tonight da Chung Ha”

Quando eu vi esse comentário, eu dei A risada, porque a passassão de pano foi forte. Vamos por partes discutir cada parâmetro.

  1. HYLT é uma b-side: Não é porque é uma b-side que ela tem que ser feita de qualquer jeito, ou apenas para preencher espaço. O próprio grupo apresenta álbum tracks muito boas, como Forever Young e Kick It, as quais poderiam ser pré-release para os EPs anteriores facilmente, sem essa fator “Qualquer coisa”.
  2. HYLT não é qualquer produção: A música também é nada inédita para os padrões YG/BlackPink. Como eu e metade dos blogs que acompanho falam, esse conceito só mantém o grupo forte porque são poucos lançamentos. Porque duvido que o impacto seria o mesmo se elas dessem de Twice e fizessem comebacks mensais, ninguém estaria aguentando as produções do Teddy.
  3. Stay Tonight é uma b-side, por isso é fraca: Angel, olha a asneira que você me solta. Chamar de Stay Tonight da Chung Ha de fraca apenas por ser b-side. A própria cantora soltou que a música foi feita para não ter apresentação ao vivo pela coreografia complexa, pois cansa muito, ainda mais num show que a tracklist é comprida. E, repetindo, não é porque se trata de uma b-side que ela foi feita para preencher espaço (I Just do Red Velvet, Maybe do (G)I-dle, One Last Time do Girls’Generation, Asteroid do Pentagon, Love You Like Crazy da Taeyeon, Get Loud do Twice, todas b-sides e bem emblemáticas fora e dentro da fanbase).

Alguns números para aos fãs de matemática

O single estreiou em 5º lugar na parada mundial do Spotify, mas alcançou o 2º lugar, ultrapassando BTS, que havia ficado em 3º no seu alcance maior. Atualmente, o MV conta com quase 200 milhões de views no Youtube (Creio que ate o lançamento do post, as meninas terão passado dessa marca). O single também atingiu o 1º lugar de mais de 60 países no iTunes. Elas só não pegaram RAK (Real Time All-Kill), porque alguns charts coreanos são pouco usados pelos knetizens, então o single nem entrou no TOP 10 (Acho que foi o FLO um deles).

Nisso, o grupo bateu alguns recordes do Guiness: Vídeo mais visto nas primeiras 24 horas, clipe musical mais visto nas primeiras 24 horas e MV de kpop mais visto

Atualização: BlackPink conseguiu seu primeiro ALL-Kill em 1° de julho.

Comentário de fã: “Se não fosse o BlackPink, o kpop estaria morto”

Isso aqui também me tirou a gaitada de um riso. Nem me dei o trabalho de stalkear a pessoa, mas dizer que, sem o PretoRosa, o kpop estaria morto é bem coisa de fã de pop estadunidense, que se não tem uma farofa bate cabelo em 1º lugar dos charts, já fala que tudo está morto. Daqui a pouco vem um e fala que HYLT envelheceu mal como o Chromática também, sendo que nem tem uma semana de lançamento. Kpop é difícil morrer porque estamos falando de uma indústria e, se procurar certinho, vai ter um grupo que você simpatizará e dará streams até cansar. Só ver minhas pautas que tem hora que dá luz para muito grupo para lá de flopado (Aliás, Saturday e Pink Fantasy anunciaram comeback, já vão esperando um time machine dos comebacks anteriores).

Encerrando: A profundidade da letra feita pelo Teddy

Vamos encerrar com essa frase emblemática que How You Like That nos entregou:

“Olhe para o céu, é um pássaro, é um avião”.

***

Sairei do tema principal, mas isso é mais importante.

Pessoal, para quem me acompanha nas redes sociais, sabem que eu me posiciono em muitos casos, eu não poderia deixar de relembrá-los da situação em que estamos passando, com os protestos nos EUA, no Brasil e em demais lugares do mundo. Estou fora do meu local de fala e posso fazer pouco perante isso. Contudo, não podemos esquecer que o pouco que façamos já é uma ajuda, mesmo que dentro da nossa limitação.

Para ajudar o Black Lives Matter, acessem o site e vejam o que é possível para ajudar na causa, mantenham-se informados, compartilhem isso. É o que peço, muito obrigado, e até um próximo post.

Publicidade

Uma resposta em “A primeira semana de BlackPink”

*Risada malefica* Pra mim a unica coisa boa desse comeback é o short que a jennie usa e o figurino da jisoo. Nem o blackpink aguenta essa musica, mas te falar elas estão com uma cara de felicidade de ter lançado musica nova, mesmo sendo meia boca. Concordo contigo, quero ver elas lançarem teddy’s music de dois em dois meses se o povo ia aguentar. No mais esse povo é tudo iludido.

Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s