Categorias
April

DSP está fazendo o April amadurecer

DSP teve um dos grupos mais farofentos do Kpop, que foi o Kara. Então, era esperado que uma hora eles iriam reaproveitar as demos deixadas pelo grupo em um dos futuros girl groups. Por hora, ele tem o April para aproveitar isso, mas eles fizeram de isso de uma forma bem lógica.

Lalalilala é uma boa forma de começar um amadurecimento de forma leve sem causar estranhamento nas fanbases (CLC e Cheshires coreanos). A mistura de um refrão mais aegyo enquanto temos um caminhar que caminha num teencrush, em estilos que remetem o EDM, o eletropop e o bubblegum. A mistura não causa estranhamento, ainda mais para quem estava para lá de ansioso com o comeback.

O MV é muito bem feito, traz uma história de bons e más sonhos, em que uma hora os pesadelos tomam conta. Toda a construção das pinturas que desaparecem, delas sendo testadas enquanto dormem, isso cria uma história não muito complexa, sem muitas firulas, mas que ajuda a entregar um visual que atrai a atenção.

Track by track:

O novo mini álbum das meninas contam com 6 tracks, 1 title e 5 b-sides, sendo a 6ª faixa apenas para a versão física (a qual eu não tenho acesso). A primeira faixa é Oops I’m Sorry, uma faixa que mistura o bubblegum com o aegyo, o que dialoga bem com os vocais das meninas e o estilo em que elas sempre trabalhavam. Depois, temos Doll, uma faixa que remete mais ao aegyo clássico, que vemos GFriend, Apink e Lovelyz fazendo lá no início da carreira, tanto nas melodias operescas quando os vocais adocicados.

1, 2, 3, 4 é um eletropop mais alegre, que estoura no refrão, é bem gostosinha de ouvir. Zip cai em cima de um retrô pop, que será uma follow-up muito boa de se trabalhar caso a title gritasse mais sexy ou sensual.

Conclusão:

Title LALALILALA: 9/10;

MV LALALILALA: 9/10;

Álbum tracks: 22/30;

Nota final: 40/50.

Considerações finais:

Quando saiu os primeiros teasers, eu batia na tecla que a demo original foi Mamma Mia. Porém, sabemos que o April sempre foi um grupo que lançava aegyo, então misturar um sexy com um aegyo seria muito estranho se feito de qualquer jeito. Então, a DSP começou o processo de amadurecimento das meninas de uma forma boa.

As b-sides seguem o mesmo lado aegyo, assim servindo ao fandom de forma abrangente sem causar estranhamento. Claro, a title em si não sai muito da proposta inicial do grupo, muitos detalhes entregam isso. O grupo completa 5 anos em 2020, e isso pode ser um pouco ruim se elas não estourarem agora, ainda mais com um hiatus de mais de 1 ano, pois a DSP pode simplesmente enterrar o grupo.

Mas é aguardar, uma vez que a empresa também não está administrando o Kard, e eles acabam atingindo melhor o resto do mundo pelo conceito mais maduro. Então, é isso, cuidem-se, um bom dia e até um próximo posto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s